sábado, 23 de fevereiro de 2013

ATAQUES A GABRIEL CHALITA NA FOLHA DE SÃO PAULO DE HOJE (23/06/2013) DEMONSTRAM QUE O PSDB JÁ PERCEBEU QUE CORRE UM SERIO RISCO DE SER DERROTADO EM SÃO PAULO EM 2014.

Gabriel Chalita com Fernando Haddad e o Vice Presidente Michel Temer. 
Na eleição para Prefeito de São Paulo de 2012 Chalita obteve 13,6% 
(833.255 votos) que foram decisivos no segundo turno para 
Fernando Haddad vencer o tucano José Serra.

Não é surpresa que o ataque a Gabriel Chalita na Folha de São Paulo tenha acontecido um dia depois que o Presidente da Câmara dos Deputados, Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN) em visita ao Ex Presidente Lula e tenha ouvido dele que rejeita totalmente qualquer tipo de ação contra o Vice Presidente Michel Temer como companheiro de chapa de Dilma Roussef na eleição presidencial do ano que vem. A declaração de Lula serviu para aparar de forma definitiva qualquer tipo de aresta que possa ter existido com o PMDB devido a boatos que davam conta nas ultimas semanas que o PT poderia optar por compor a chapa presidencial com o PSB.

A união do PMDB com o PT na eleição para o Governo de São Paulo no ano que vem não é desejada pelo PSDB e seus aliados, principalmente uma parte da mídia comprometida com os tucanos, porque representa uma real possibilidade de derrota do PSDB depois de quase vinte anos de poder, especialmente pelo fato de que o Governo Alkimin atravessa uma crise de credibilidade que tem no seu fraco desempenho na área de segurança um dos principais pontos devido ao recente crescimento da criminalidade em São Paulo.

Como todos nós sabemos a permanência do PSDB por tanto tempo no poder em São Paulo, de 1995 até hoje em 2013, se deve basicamente ao fato de que foi articulada uma aliança, ainda no Governo Covas (1995 a 2001), dos tucanos com os principais grupos empresariais que controlam a mídia no Estado de São Paulo. O papel da mídia tem sido fundamental na longevidade dos governos tucanos em São Paulo exatamente porque cabe a esta imprensa o papel mobilizar os seguimentos da opinião pública conservadores que tem sido a principal resistência a uma vitória oposicionista nas ultimas disputas pelo Governo de São Paulo.

Também é importante lembrar que o PMDB, partido que poderia ser mais uma alternativa no campo oposição em São Paulo, tem sido a principal vítima dos constantes ataques desta mesma mídia que hoje atacou Gabriel Chalita ao longo de todos estes quase vintes anos, além de ter ficado dividido em um processo que impedia que fosse estabelecia uma aliança única do PMDB tanto no plano federal quanto estadual e, isso só provocou o encolhimento do PMDB em São Paulo, na contramão em relação à média que o PMDB tem mantido em todo Brasil que o qualifica como uma das principais forças políticas do Brasil, além de ter se transformado em um dos principais sustentáculos político do Governo Dilma, em pé de igualdade com o próprio PT.

Somente depois que a aliança com o PT se tornou uma realidade oficial em 2010 com a chapa Dilma Roussef / Michel Temer vitoriosa é que o PMDB de São Paulo pode finalmente ter uma direção estadual afinada com a direção nacional no sentido de construir uma ação política única. Isso teve e está tendo reflexos aqui em São Paulo que já puderam ser constatados na ultima eleição, com destaque para a Prefeitura de São Paulo onde o apoio do PMDB e de Gabriel Chalita foram decisivos para que Fernando Haddad derrotasse José Serra no segundo turno da eleição para prefeito no ano passado.

Quando ataca Gabriel Chalita com fatos já requentados há muito tempo o PSDB mostra suas garras e de que será capaz de tudo para não ser desalojado do Palácio das Bandeirantes.

Gabriel Chalita precisa ser defendido agora, pois o ataque a ele foi também ao PMDB de São Paulo.

Foi um ato de desespero que demonstra que o PSDB pode ser derrotado com ação decisiva do PMDB,

O PMDB pode voltar a ser governo em São Paulo. Sim, nós podemos.


FLÁVIO LUIZ SARTORI



Um comentário:

  1. Olá Tudo bem. Sou Zé Barto e vim apresentar o livro do meu amigo escritor Ulisses Sebrian. O livro é um suspense policial emocionante. Chame-se o Que rezes a vida. Basta dar um click no link para ler.. https://www.clubedeautores.com.br/book/140578--Que_reze_a_vida. Ou entre no blog do Ulisses Sebrian http://truquedevida.blogspot.com.br/ e na a barra lateral tem a capa do livro só dar um click. Abraços.

    ResponderExcluir