terça-feira, 5 de maio de 2015

QUEM SÃO OS PANELEIROS GLOBONEWSIANOS ????




DEPOIS DE UM PERÍODO DE HIBERNAÇÃO NECESSÁRIO PARA CUIDAR DA FAMÍLIA E DA VIDA PROFISSIONAL ESTAMOS DE VOLTA.

Os Paneleiros Glonewsianos são "pessoas de bem". Moram nos bairros "nobres" das cidades brasileiras.

Ao contrário do que possa parecer não estão batendo panelas porque estejam com dificuldade de se alimentar, muito pelo contrário, eles passam muito bem todos os dias. Certamente, no momento, seus maiores problemas estão relacionados a um pouco menos dólares no bolso para atividades, como por exemplo, comprar as roupas de seus filhos em Maimi. 

Para essas  pessoas bater panelas é um ato de exibição para refletir na mídia, ou seja, na Globo, Band (Metro), Estadão, Folha, Veja e outros tantos meios de comunicação que existem pelo Brasil afora, dentre os quais podemos citar o Grupo Rede Anhanguera de Campinas, a RAC, proprietária do Jornal Correio Popular, o histórico baluarte das oligarquias de Campinas e do interior de São Paulo.

Os paneleiros são globonewsianos porque eles se informam basicamente por este canal de televisão, que pertence a família Marinho, a mesma que é proprietária da Rede Globo de televisão.

Como a Globo News é um canal de televisão fechado pago, quem assiste seus noticiários pertence a uma minoria, digo minoria da minoria porque quem se informa pela Globo News é uma parcela pequena das pessoas que tem canais de TV pagos, a maioria dessa minoria assiste outros canais de entretenimento.

Os globowsianos são aquelas pessoas que se informam pela programação da Globo News. Eles seguem cegamente as orientações de Leilane Neubarth, a apresentadora "pau pra toda obra" dos irmão Marinho, que descaradamente convoca manifestações de direitistas, seguidores do PSDB e aliados desde as manifestações de 2013.

Os paneleiros globonewsianos tem destaque garantido em toda mídia comandada pela elite branca atrasada que governou o Brasil até 2002.

Eles, na realidade não passam de algumas centenas porque classificar eles de milhares seria uma temeridade, porque não representam a maioria dos brasileiros, que são trabalhadores que estão ascendendo socialmente, destacadamente nos últimos dose anos.

Por enquanto os globonewsianos são uma ínfima minoria que faz barulho de vez enquanto como acontece em qualquer democracia sem maiores problemas. Se não fosse a sanha golpista permanente do Partido da Imprensa Golpista, o PIG, comandado pela Rede Globo, eles praticamente não existiriam.

Manifestar é um direito presente em qualquer democracia séria, desde que a manifestação seja séria e justa, como no caso dos professores paranaenses que enfrentaram a ira tucana. 

Agora ficar batendo panelas por birra porque o candidato presidencial perdeu, com o tempo ficará cada vez mais ridículo e certamente acabará por se transformar em pida.