sábado, 22 de dezembro de 2012

TODOS ANOS A GLOBO VEM COM O ESPECIAL DO ROBERTO CARLOS EU NÃO CURTO ESTES ESPECIAIS "GLOBAIS" MAS O ROBERTO CARLOS, O ROBERTÃO, O REI, EU GOSTO DELE ASSIM: NEGRO GATO... DETONANDO...

Esta é uma canção emblemática, tem um pouco de cada um de nós...não é?????




E que rock......


Negro Gato
Roberto Carlos

MIAAAAAAAAAUUUUU!
Eu sou um negro gato de arrepiar
E essa minha vida
É mesmo de amargar
Só mesmo de um telhado
Aos outros desacato
Eu sou um Negro Gato!
Eu sou um Negro Gato!...

Minha triste história
Vou lhes contar
E depois de ouví-la
Sei que vão chorar
Há tempos eu não sei
O que é um bom prato
Eu sou um Negro Gato!
Eu sou um Negro Gato!...

Sete vidas tenho para viver
Sete chances tenho para vencer
Mas se não comer
Acabo num buraco
Eu sou um Negro Gato!
Eu sou um Negro Gato!...

Um dia lá no morro pobre de mim
Queriam minha pele para tamborim
Apavorado desapareci no mato
Eu sou um Negro Gato!
Eu sou um Negro Gato!...

Auuuuuuuuuuuuu!
Oh! Oh! Oh!
MIAU! MIAU!...

Sete vidas tenho para viver
Sete chances tenho para vencer
Mas se não comer
Acabo num buraco
Eu sou um Negro Gato!
Eu sou um Negro Gato!...

Um dia lá no morro pobre de mim
Queriam minha pele para tamborim
Apavorado desapareci no mato
Eu sou um Negro Gato!
Eu sou um Negro Gato!
MIAAAAAAAAAUUUUU!
Eu sou um Negro Gato!

Flávio

terça-feira, 18 de dezembro de 2012

O BLOG NÃO PODIA DEIXAR PASSAR EM BRANCO ESTE MOMENTO. ROLLING STONES COMEMORA 50 ANOS DE ROCK ALEGRE, DIVERTIDO E IRREVERENTE. QUEM NÃO CURTIU UMA SÓ MÚSICA DO GRUPO? DIFÍCIL ENCONTRAR UM QUE NÃO TENHA CURTIDO...


Então vamos ao emblemático som dos Rolling Stones.




Todo show é uma festa...Lady Jane é inesquecível, eu ficava esperando tocar no rádio...




Quem ou viu Route 66 só com Depeche Mode, então conheçam esta versão...




Para encerrar a bela She`s a Rainbow (Ela é Um Arco Íris)...




Para os eternos corações apaixonados.....

Flávio

domingo, 16 de dezembro de 2012

JEAN-LUC PONTY COMBINOU VIOLINO COM JAZZ, ADICIONOU UM POUCO DE BOSSA NOVA E OUTROS RITMOS PARA CRIAR BELAS MÚSICAS INSTRUMENTAIS. FUNDOS MUSICAIS PARA A INTROSPECÇÃO.


O violino que tem suas origens no século XVI na Itália evoluindo de antecessores como a rebeca, a vielle e a lyra da braccio. Sua criação é atribuída ao italiano Gasparo de Salò.[6] Durante duzentos anos, a arte de fabricar violinos de primeira classe foi atributo de três famílias de Cremona: Amati, Guarneri e Stradivarius. Toda a invenção do violino foi conduzida pelas raízes do instrumento milenar chines erhu, as raízes deste instrumento foram os instrumentos de cordas friccionados por arco mais antigos já descobertos.

O violino propriamente dito manteve-se inalterado por duzentos anos. A partir do século XIX modificou-se apenas a espessura das cordas, o uso de um cavalete mais alto e um braço mais inclinado. Inclusive, a forma do arco consolidou-se aproximadamente nessa época. Originalmente com um formato côncavo, o arco agora tem uma curvatura convexa, o que lhe permite suportar uma maior tensão das crinas, graças às mudanças feitas pelo fabricante de arcos François Tourte, a pedido do virtuose Giovanni Battista Viotti, em 1782. O violino tem longa história na execução de músicas de raiz popular, que vem desde os seus antecessores (como a vielle). A sua utilização tornou-se mais expressiva a partir da segunda metade do século XV.

Jean-Luc Ponty foi pioneiro na utilização de um violino elétrico a 5 cordas, equipado de 1 corda baixa afinada em Dó. Utilizou também um violino elétrico a 6 cordas chamado Violectra, com baixos em Dó e em Fá. Mas não foi só isso, Ponty estudou como violinista clássico profissional no Conservatoire National Supérieur de Musique de Paris. Sua atração pelo jazz é devida às músicas de Miles Davis e de John Coltrane. E tem mais além de jazz, tem bossa nova. Ouçam e curtam.




Se você e refletir sobre esta música vai imaginar que ela é realmente o fundo musical de uma miragem.




Bom som...quando as coisas não estão bem, para relaxar, música gente, música.

Flávio